quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

O Projeto é conhecido também por: Jovens Quentes na Promoção de Direitos e da Justiça Climática.



                                              
      O Projeto é conhecido também por: Jovens Quentes na Promoção de Direitos e da Justiça Climática.
Tendo como principal objetivo para o período 2011-2015:
Capacitar jovens, com metodologia da educação popular, a participar do debate público, nacional e internacional, sobre o modelo de desenvolvimento que interessa às juventudes, promovendo ações educativas, com as mesmas, para ampliar o envolvimento destas e também criar práticas de justiça socioambiental nas cidades para favorecer o acesso ao mercado de trabalho ecologicamente sustentável.                                             
KOINONIA - Presença Ecumênica e Serviço, por meio de um projeto apoiado pela Ajuda das Igrejas da Noruega, juntamente com os jovens noruegueses do Dia de Trabalho (OD), assessora esta iniciativa. Três jovens educadores cumprem o papel de Articuladores Regionais:  Quitéria Gonçalves e Josemar Soares (Delmiro/AL); Vivian Oyasse (Salvador) e Simone Medeiros (Paulo Afonso). As atividades são acompanhadas por Quitéria Ferreira e Jorge Atílio Silva Iulianelli, assessores de KOINONIA - Presença Ecumênica e Serviço.
Informações sobre os parceiros locais do Projeto:
Locais:
Parceiros Locais
Delmiro Gouveia (AL)
MAC, Coppabacs, PJ, Capoeira, FGHR, Assembleia de Deus Missão, dentre outros.
Paulo Afonso (BA)
Pólo Sindical dos Trabalhadores Rurais do Submédio São Francisco, REPENSAR.
 Salvador (BA)

Terreiros de Candomblé: Casa Branca, Abassá de Ogum, São Roque, Giokan, Viva Deus Bisneto, Vintém de Prata, Manso Dandalunga.

Desde 2011, as ações vem sendo desenvolvidas e as juventudes das três cidades se articulam com juventudes das regiões.  Uma das primeiras atividades foi um levantamento das representações sociais que as juventudes dos grupos com que KOINONIA. Atua nessas cidades e, seus entornos, têm dos direitos da juventude, Direito à Cidade e dos efeitos das Mudanças Climáticas. Onde, são realizadas capacitações, intercâmbios, interação com a esfera governamental, apropriação das tecnologias de comunicação e informação. É mais um desafio para estas juventudes articuladas com quem KOINOINA tem o privilégio de atuar, a partir da Cooperativa de Banco de Sementes (Delmiro Gouveia/AL), ONG Repensar de Paulo Afonso e dos terreiros de Candomblé de Salvador/BA. 
O Projeto abrange ainda outras cinco organizações (Ação Educativa, Diaconia, Fase, Ibase e Viva Rio), em vários Estados Brasileiros.

 Apoio:                    


Juventudes na promoção de direitos e da justiça climática





Por Jorge Atilio Silva Iulianelli*
Desde 1997 KOINONIA promove ações com juventudes em cidades dos interiores do Nordeste, em especial nas zonas rurais do sertão da Bahia, Pernambuco e Alagoas, cooperando com organizações camponesas como o Pólo Sindical dos Trabalhadores Rurais do Submédio São Francisco (BA/PE), Sindicatos de Trabalhadores Rurais da Bacia Leiteira, Alto e Médio sertão de Alagoas e com a Cooperativa de Banco de Sementes (AL). A principal metodologia que emergiu dessa ação com as juventudes é o Curso de Formação de Agentes Culturais. Em relação às juventudes dos terreiros de Candomblé, de Salvador, a partir de 2007, foi iniciado um conjunto de iniciativas de identificação das demandas dessas juventudes, que culminou com a participação de alguns jovens de terreiros na Rede Ecumênica de Juventude (Reju) e na formação do grupo Obabyan. Em 2010, jovens estudantes noruegueses e a organização Ajuda das Igrejas da Noruega (AIN) propuseram a KOINONIA e outras cinco organizações brasileiras (Fase, Ibase, Viva Rio, Ação Educativa e Diaconia) um programa com as juventudes para a promoção de direitos e justiça climática na cidade.
Para responder a esse desafio, KOINONIA deu início em 2011 a algumas iniciativas junto às juventudes camponesas e dos terreiros de Candomblé de Salvador. Em janeiro, houve uma reunião com lideranças de terreiros de Candomblé de Salvador para expor o propósito do programa e verificar a adesão das lideranças dos terreiros a esta iniciativa. Foram indicadas cinco regiões para a articulação de terreiros na cidade Salvador: Cabula-Beirú, Suburbana, Est. Velha do Aeroporto, Itapoan e Centro. 
Nos dias 8 a 10 de abril foram reunidos 130 jovens dos núcleos de articulação de Delmiro Gouveia e Paulo Afonso para, avaliando os processos de formação de 2010, aprofundarem a adesão das organizações locais e das juventudes ao programa que será desenvolvido por cinco anos. No dia 11 de abril, na sede da CESE, reuniram-se algumas lideranças dos terreiros de Candomblé e alguns jovens indicados pelas lideranças, para maiores esclarecimentos sobre a metodologia do projeto e das iniciativas que serão tomadas. Esse projeto, a partir de KOINONIA, articulará jovens destas três cidades, Salvador e Paulo Afonso, na Bahia, e Delmiro Gouveia, em Alagoas. 
A principal metodologia será a realização de ações culturais, elaboradas, promovidas e socializadas pelos próprios jovens, para promover direitos da juventude e justiça climática nessas cidades. O início das atividades será uma pesquisa aplicada pelos jovens para identificarem as principais demandas de direitos das juventudes nas regiões das cidades em que eles vivem. Para tanto, haverá uma formação de jovens pesquisadores nos dias 6 e 7 de maio. O mais fundamental do projeto será a afirmação das relações inter-geracionais, a valorização das espiritualidades e do respeito inter-religioso, e a promoção das lutas das juventudes por direitos e justiça socioambiental nas cidades. Os saberes locais serão valorizados pelo projeto, incentivando iniciativas produtivas locais que permitam aos próprios jovens gerarem valorização da auto-estima e inserção em cenários de mercado de trabalho local que valorizem o direito das juventudes. Haverá um processo de formação, para geração de ações culturais, iniciativas produtivas e intercâmbio de juventudes ao longo de cinco anos. A interação com as lideranças das organizações tradicionais e dos terreiros é fundamental para o avanço desta iniciativa.
Veja o vídeo com os depoimentos dos jovens participantes do Curso de Formação de Agentes Culturais, acessando: http://palavradejovemrural.blogspot.com/2011/04/depoimentos-de-jovens-sobre-o-curdo-de.html

* Assessor de KOINONIA – Presença Ecumênica e Serviço responsável pelo Programa Juventude e Direitos nas Cidades
                                     
Programa OD/AIN- Por Koinonia- Presença Ecumênica e Serviço 2011/2015.

O projeto, Jovens Quentes na Promoção de Direitos e da Justiça Climática chega ao seus 3º ano. E como o ano de 2013 já se foi, então nada melhor que dar uma olhada no que se passou durante os 3 primeiros anos da sua existência.


 Jovens do MAC organizam o primeiro encontro de iniciante ALABA em março de 2013, com a presença da ONG repensar e todo o corpo  de Educadores e Cursista de Koinonia, Paulo Afonso e Delmiro.


 Salvador, realizou um encontro de Jovens de terreiro em novembro de 2013, onde contou com a presença dos assessores de Koinonia de Salvado,RJ, e  Educadores de AL e Paulo Afonso.
 O encontrão realizado em Glória-BA em Dezembro de 2013, veio recheado de muitas expectativas, aprendizado, desejos e muito mais.

 Evento de Ação Cultural realizado em Paulo Afonso em 2012 arrecada cerca de 1.000 kg de alimentos para ser distribuído para a população mais carente daquele município. 


Koinonia atreves do programa OD AIN em parceria com a Rede Ecumênica da Juventude-(REJU) leva para a Rio+20 cerca de 7 jovens em junho de 2012, para uma participação direta, um intercambio de diversificado momentos de muitas trocas de experiência.

  Projeto jovens quentes em parceria com o MAC, trás para a juventude e Adolescentes de Delmiro Gouveia, o projeto Pintando a Vida.  
 Um intercambio realizado em Delmiro Gouveia em fevereiro de 2013 com a parceria de COPPABACS, OD/AIN E BNDES.
 1º Etapa do Curso de Agentes Culturais em Delmiro Gouveia ocorreu em Março de 2013 em parceria e na cede doPJA- Pro-jovem Adolescente.

Realização do circo sem lona.

                            Apoio          Realização 



sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Encontro com Jovens de Terreiro em Salvador-BA

Encontro com Jovens de Terreiro em Salvador-BA


KOINONIA Presença Ecumênica e Serviço convida os terreiros a participarem do Projeto Padé Èwe, que realizar-se dias 09 e 10 de novembro. A atividade consiste em reunir jovens de terreiros de Salvador e RMS, onde passarão por processo formativo social e politico, pois entendemos que o fortalecimento dos terreiros depende também da instrumentalização da sua juventude. Dispomos de 30 vagas, reserve a sua até o dia 30/10 pelo e-mail koinonia.juventude@gmail.com solicitando a ficha de inscrição.

Segue programação:



09/11
MANHÃ
08:00 – Ponto de encontro/partida Estação do trem da Calçada
09:00 – credenciamento/acomodações
10:00 Abretura (Boas vindas por CESE, KOINONIA, FONAJUNE)
10:20 Roda de Dialogo (provocações)
10:20 a 11:20 TEMA: Ecumenismo, diversidade religiosa e papel politico da juventude
Provocadores: CESE – RREMAS – REJU
11:20 a 12:10 Com a palavra a juventude



TARDE
13:30 Distribuição dos grupos
14:00 as 17:00 Mini-cursos
1- Elaboração de Projetos
2- Gênero e Diversidade
3-Comunicação e midia/campanha agô
4- Patrimonio religioso e preservação ambiental



NOITE
18:00 jantar
19:00 as 20:00 Atividade Cultural




10/10
MANHÃ
08:30 a 12:00 mini-cursos



TARDE
14:00 16:00 Padé Èwe - Juventude levando provocações aos poderes públicos
Mediação: KOINONIA
16:10 as 17:00 Alinhamento dos próximos passos / ritual de despedida e retorno pra casa com a bagagem cheia de novos saberes.



LOCAL: CASA DE RETIRO "MADRE MARIA OLlVA" (CRMMO) das IRMÃS FILHAS DA IGREJA - ITACARANHA
TEL: 71 3398-8679 Endereço da casa de Retiro Madre Maria Oliva: Rua Almeida Brandão (ou Rua da Estação de trem de Itacaranha) nº 1538 - Itacaranha
O encontro anida contará a participaçõ dos jovens que fazem a articulação do Curso de agentes Culturais Projeto OD/AIN em Delmiro Gouveia e Paulo Afonso, Daniela Nobre,Josemar Soares, Zenilton Rocha e Walesca e os jovens da UFAL, também se farão prentes os Jovens da ONG Repensar parceira de Koinonia-Presença Ecumenica e Serviço, Simone Medeiro,Emanuelle e Isadora Brito



FICHA DE INSCRIÇÃO

ENCONTRO COM JOVENS DE TERREIRO


NOME COMPLETO:
ENDEREÇO COMPLETO:
RG:
RAÇA/COR:
GÊNERO:
EMAIL:
TELEFONE:
FACEBOOK:
TWITTER:
BLOG:
TERREIRO OU ORGANIZAÇÃO A QUE PERTENCE:
HABILIDADES ARTISTICAS:
TEMA QUE SE INTERESSA (Mini cursos)
( ) ELABORAÇÃO DE PROJETO ( ) GÊNERO E DIVERSIDADE ( ) COMINICAÇÃO E MIDIAS ( ) PATRIMONIO RELIGIOSO E PRESERVAÇÃO AMBIENTAL

PS: ENUMERE DE 1 A 4 PRIORIZANDO O TEMA DE MAIOR INTERESSE. AS VAGAS PARA OS MINI CURSOS SEGUIRÃO ORDEM DE INSCRIÇÃO

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

PROJETO PINTANDO VIDAS, VOLTANDO COM TUDO!



QUAL A SUA COR PREFERIDA?

O PROJETO PINTANDO A VIDA está sendo desenvolvido no Movimento de Adolescentes e Crianças MAC em parceria com a KOINONIA - Presença Ecumênica e Serviço e apoio da Ajuda da Igreja da Noruega/AIN e os grupos de jovens de base, em Delmiro Gouveia/AL.
Logo, logo tem pintando vidas no MAC... Aguardem.
#Gravação de tela.
As reuniões e também as oficinas são planejadas e desenvolvidas pela juventude, através da metodologia da Educação Popular de forma bem lúdica e produtiva pensando na sustentabilidade do Projeto dentro do modelo sustentável, solidário e econômico para as juventudes envolvidas  e para melhoria  da comunidade. Nosso foco é na valorização da cultura, nos Direitos Humanos e na Justiça Socioambiental.






“A arte-cultura é uma das peças chaves para estimular crianças e jovens a desenvolver suas habilidades e interagir respeitosamente no coletivo”.

Abraços,

Mais Juventudes.